Veja São Paulo: como fortalecer a imunidade

Fresh ginger roots, lemons and green leaves with a Cup of tea on a white wooden background

Marco Verch

Na última edição da Veja São Paulo, produzi uma reportagem sobre como preservar o sistema imunológico e deixar o organismo mais forte durante a rotina dentro de casa. Conversei com especialistas que dão dicas sobre alimentação, qualidade do sono e outras atividades que beneficiam o organismo na quarentena. Confira clicando aqui.

 

 

Memória: Gripe espanhola em São Paulo

Gripe espanhola (Acervo Club Athletico Paulistano)

Acervo Club Athletico Paulistano

Na seção Memória da Veja São Paulo, relembro a pandemia da gripe espanhola em São Paulo há 102 anos. O vírus causou pânico na época pela sua alta letalidade e rapidez do contágio; o presidente reeleito Rodrigues Alves foi uma das vítimas.

Conversei com o historiador e jornalista científico Peter Moon sobre as semelhanças da pandemia com o atual surto do novo coronavírus no estado. Clique aqui para ler a matéria.

Etiquetado , ,

Resenha: Bar Regô, novidade na República

Regô (Marcelo Guimarães)

Marcelo Guimarães

Novas opções de bares e casas noturnas continuam surgindo pela região do Centro e República. Para a edição nº 493 do guia Divirta-se, visitei o novo Regô, aberto há menos de um mês na Rua Rêgo Freitas. Confira clicando aqui.

Entrevista: documentário inédito retrata início de carreira de Madonna

Madonna + The Breakfast Club (Guy Guido Entertainment)

Foto: Guy Guido Entertainment

No guia Divirta-se, entrevistei com exclusividade o diretor do documentário inédito Madonna + The Breakfast Club, exibido nesta sexta-feira, aniversário da cantora, em várias unidades da rede Cinemark.

O filme de Guy Guido retrata o início da carreira de Madonna Louise Veronica Ciccone do momento em que se muda para Nova York até o lançamento do segundo álbum solo, Like a Virgin (1984). Na entrevista, ele explica por que incluiu cenas dramáticas no filme e como descobriu uma atriz tão idêntica à cantora, a estreante Jamie Auld.

Para completar, produzi uma resenha e incluí uma seleção de festas na cidade que celebram os 61 anos da rainha do pop. Confira clicando aqui.

Capa: salas especiais e cineclubes paulistanos

Jorge Alaniz

Detalhe de projetor 16 mm do Mad Pad Cinema, novidade no BTNK Art Bar (Jorge Alaniz)

Baseado na “menção honrosa” citada na matéria especial do Oscar das Salas de Cinema, sugeri produzir um roteiro de salas especiais, cineclubes e cinemas de rua em São Paulo – uma lista de lugares que não se enquadram na categoria de cinema comercial comum. Endereços como a Cinemateca Brasileira, o IMS e os tradicionais Cine Segall e Cine Olido fazem parte desse trabalho, matéria de capa que publiquei no início de agosto deste ano. Confira clicando aqui.

Especial: Parada do Orgulho LGBT 2019

Werther Santana/Estadão

Organizada em junho deste ano, a 23ª edição da Parada do Orgulho LGBT inspirou algumas atrações temáticas pela capital, que reuni neste especial do Divirta-se, publicado na versão impressa e online.

Capa: novos bares e restaurantes na Mooca

Cadillac BBQ

Cadillac BBQ, do mesmo proprietário da hamburgueria Cadillac Burger, na Rua Juventus

Novos comércios, entre bares, restaurantes e lanchonetes, têm ajudado a revitalizar o bairro da Mooca no último ano. Clique aqui para conferir o roteiro com o roteiro de novidades, publicado em 5 de abril no guia Divirta-se, do Estadão.

Capa: novos bares e baladas no Centro de São Paulo

Prosa e Vinho

Prosa e Vinho, bar no último andar da Galeria Metrópole

Cada vez mais bares e baladas animam a vida noturna da região central de São Paulo. Visitei 12 ótimas opções para matéria publicada no Divirta-se em 22 de março, com direito a uma das melhores gins-tônicas da cidade. Leia clicando aqui.

Resenha: bares recém-abertos no subsolo de prédios históricos do Centro paulistano

Bar dos Arcos (Humberto Abdo) (3)

Bar dos Arcos, no subsolo do Teatro Municipal

Após minha “maratona” de salas de cinema, visitei dois bares recém-inaugurados na cidade, ambos com algo em comum: ficam no subsolo de prédios históricos (e muito charmosos) do Centro de São Paulo e servem coquetéis inesquecíveis.

Falei sobre o Bar dos Arcos e o Bar do Cofre (comandado pelo SubAstor) no Divirta-se. Confira clicando aqui.

Resumo: capas e especiais produzidos como repórter cultural do guia Divirta-se

Edição Oscar 2019

Em pouco mais de um ano trabalhando como repórter de cinema e vida noturna na redação do Divirta-se, guia semanal do jornal Estadão, pude produzir capas e matérias especiais bem enriquecedoras para qualquer repórter de cultura – sem contar que muitas delas foram bastante divertidas de apurar, seja por envolverem maratonas de visitas a cervejarias ou por exigirem uma tarde inteira de exercícios em vários parques de trampolim.

Minha primeira grande pauta no caderno, ainda como repórter freelancer, foi um roteiro de bancas e livrarias de HQs e zines espalhadas pela cidade – minha primeira grande maratona de apuração, com algumas entrevistas e fotos durante cada visita.

Sempre popular e agitada, a região do Baixo Augusta foi minha “aventura” seguinte: visitei as dez principais baladas da rua Augusta e destaquei o que cada uma tem de melhor. Poucos meses depois, foi a vez dos bares e lanchonetes com jogos de tabuleiro, mesas de sinuca e fliperamas, um roteiro que fiz em cerca de dez dias e pude colaborar com algumas fotos tiradas durante a apuração.

Muitas das edições são feitas em parceria com vários repórteres da redação, caso da capa sobre a inauguração do Sesc Avenida Paulista, aberto em abril de 2018. A inusitada (e frenética) matéria sobre os parques de trampolins paulistanos é outro bom exemplo.

Mesa redação

Registro da minha mesa alinhada e bem limpa (não sem alguma ajuda da filosofia Marie Kondo)

Neste período, também produzi a capa especial com os destaques da 42ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, um evento já bastante tradicional na cidade e adorado por muitos cinéfilos – descobri que alguns frequentadores escolhem tirar férias no mês da mostra só para ter tempo de ver o máximo possível de filmes.

Para completar, tive o prazer de publicar um roteiro com dez novas cervejarias, outro sobre a “rota” de bares de vinhos abertos recentemente na cidade e o tradicional Oscar das Salas de Cinema, que elege os melhores complexos paulistanos – foram 54 visitas, feitas ao longo de três semanas.

Além das capas, dicas semanais na seção ‘Crianças e Passeios’ e páginas especiais fazem parte das minhas tarefas e costumam destacar alguns eventos importantes, como a 22ª Parada do Orgulho LGBT. Para essa matéria, listei algumas atividades temáticas marcadas para ocorrer no mesmo fim de semana da comemoração na Avenida Paulista.

Todo esse material pode ser acessado nesta página, onde listo parte do meu portfólio do Divirta-se.